REBELDE?! Só a personalidade.

Follow my blog with Bloglovin

A rebeldia é visível em mim, da ponta dos pés a ponta dos cabelos – mas no caso deste último – agradeço imenso ter descoberto os truques para que os meus caracóis fossem domados. Obviamente que o meu cabelo teria de ser o reflexo da minha personalidade. ÓBVIO!!!!
Cabelo liso, certinho, impecável…. Nah, não poderia ser para mim. A mim tinha de me calhar um cabelo completamente desalinhado, cheio de curvas e contra-curvas, repleto de personalidade.
Há dias em que juro que o meu cabelo tem personalidade própria e que a única solução é o maravilhoso coque, o penteado preferido de qualquer miúda cacheada. Nesses dias quase que tenho saudades dos dias de monotonia lisa em que o meu cabelo certinho apenas necessitava de um escova.

A rebeldia é tanta, nesses dias, que quase pego no telefone para marcar consulta no psicólogo mais próximo, afim de perceber como o posso controlar e sair o mais apresentável possível.

Apesar de tudo eu amo as minhas ondas, a personalidade própria que o meu cabelo tem. Amo tanto que raramente aliso o cabelo e ando sempre numa pesquisa frenética de truques para definir ainda mais todo o seu potencial!

Sei que não sou a única com o numero de telefone do psicólogo mais próximo colado ao condicionador de cabelo e por isso decidi partilhar algumas dicas para potenciar toda a definição das nossas amadas curvas e assim, poupar uns trocos com terapeutas.img_0805

  1. Lavagem;
    É importante que se faça a lavagem do cabelo o mais correcta possível e um dos erros que a maioria de nós comete é usar o shampoo no cabelo todo.
    O correcto é apenas lavar na raiz, massajando toda a raiz com movimentos circulares e assim evitar ressecar as pontas. Ao enxaguar o shampoo, ele vai escorrer até as pontas e retirar, sem danificar, toda a sujidade existente nas pontas.
  2. Cronograma capilar;
    Basicamente é responsável pelo cuidado e a saúde dos nossos amados cabelos e consiste em 3 fases.
    Hidratação- vai repor toda a agua no cabelo fazendo com que o aspecto deixe de ser ressecado, sem brilho e desidratado.
    Nutrição- consiste na chamada humectação do cabelo, onde os óleos naturais vão repor os nutrientes necessários para que os nossos cabelos manterem a maciez, o brilho, a definição e a suavidade dos nossos cabelos.
    Reconstrução-repõe a vitalidade e saúde do cabelo quando este se encontra fino, quebradiço, mais frágil e com uma queda de cabelo excessiva.
  3. Corte;
    Geralmente é o mais negligenciado mas é o mais importante para uma boa definição e infelizmente, em Portugal, poucos são os cabeleireiros que sabem cortar um cabelo com curvas, sem o deixarem sem vida e com o aspecto de um caniche acabado de secar o pelo depois do banho.
    O corte deve ser por camadas, replicado e em ‘V’. Assim divide o cabelo e vai evitar que fique pesado e não permita que a nossas curvinhas encolham e potenciem o ondulado.
  4. Finalização;
    Consiste na activação dos caracóis com o creme de pentear. Existem varias formas de finalizar, mas eu uso a fitagem por ser mais simples e mais rápida. Com os dedos faço ‘fitas’ com os cabelos, com uma camisola de algodão amasso e aperto as fitas formadas com os dedos e solto.
    Repito o processo até o cabelo estar praticamente seco e definido.
  5. Day After;
    Resume-se basicamente em aplicar agua ou um spray próprio para revitalizar a finalização do dia anterior.

Agora toca a soltar a rebeldia que existe em vocês!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s